BLOG METAMORFOSE desenvolvimento pessoal

A Lei da Atração

“Pela Lei da Atração, em tudo que focamos, seja para o bem ou para o mal, atraímos.”

Escrevi esta frase em meu último artigo,  O Poder da Gratidão, e prometi falar esta semana, da Lei da Atração. Então vamos lá!

O que vem a ser a Lei da Atração?

A Lei da Atração é uma das Leis Espirituais que regem o Universo. Quando falamos em Leis Espirituais isso nada tem a ver com determinada religião. Poderíamos também chamá-las de Leis do Universo, ou Leis Metafísicas. Mas como elas abrangem algo maior, o invisível, e a forma como tudo é feito no Universo, também a chamamos de Leis Espirituais.

Agora, não é porque estas Leis não são religiosas, que nenhuma religião as use. Se elas são a verdade do Universo, as religiões precisam se sintonizar com elas. Infelizmente não é o caso da maioria. Mas é aquela coisa, espiritualidade e religião são coisas diferentes. Espiritualidade é algo mais abrangente, transcendente. E isso não impede que um ateu, por exemplo, seja alguém muito espiritualizado.

Com a descoberta da física quântica conseguimos aproximar a ciência da espiritualidade, pelo menos para quem se permite ir mais além. Esta física, através de inúmeros experimentos, nos mostra que tudo é consciência, e que o átomo é a base de tudo.

Somos formados de átomos, o Universo é formado de átomos, e eles estão sempre em movimento, vibrando. A velocidade dessa vibração que vai ser responsável pela matéria ou não.

Quanto mais lenta a vibração do movimento do átomo, mais fácil se formar a matéria densa. Esta vibração emite uma frequência, em ondas. São estas ondas de frequência que atraem frequências semelhantes. Mexa no dial de um rádio para chegar a alguma estação. Estas estações são frequências de ondas, os famosos hertz. Você se sintoniza com a frequência escolhida.

A mesma coisa você pode fazer para atrair as coisas que quer. Nossos sentimentos e pensamentos produzem frequências. Portanto, se você está com um pensamento ou sentimento negativo, você está em baixa frequência. Está emanando e ao mesmo tempo atraindo uma frequência semelhante.

Como isto acontece? Através das ondas. Não se esqueça, não existem só as ondas de rádio, tudo é onda com suas respectivas frequências.

Existem vários experimentos científicos mostrando que o átomo se comporta de acordo com o observador. Quer dizer, a consciência do observador molda o que o átomo faz. Os resultados destes experimentos comprovam o quanto a matéria é regida pela consciência. E aqui esta a explicação para o “você cria a sua realidade”.

Exatamente, você cria a sua realidade de acordo com o que você pensa, sente e projeta para a sua vida. Portanto, essas são as bases da Lei da Atração. A sua consciência, através de sua frequência vibracional, atraindo vibrações semelhantes.

Então, veja, a Lei da Atração tem uma base científica, ou melhor, pode ser explicada cientificamente. Ela não é só modismo, coisas da Nova Era, ou “pensamento positivo.” Ela é uma realidade e uma verdade universal!

Se pararmos para pensar, analisando momentos de nossas vidas, iremos comprovar a verdade da Lei da Atração. E é muito bom quando comprovamos as coisas, o que se dá na prática.

Para vibrarmos em alta frequência precisamos sentir em alta frequência. O sentimento é o mais importante, é ele quem dá a vibração. Não adianta, por exemplo, ficarmos repetindo, na nossa mente, que algo vai dar certo se nosso sentimento é de medo, dúvida, ou insegurança.

É por isto que muitas vezes o “pensamento positivo” não dá certo, pois ele não estava imbuído do sentimento correspondente. Nesse caso estávamos vibrando com o medo, a dúvida e a insegurança, pois eram estas coisas que emanávamos.

Vemos, então, que não é tão fácil assim nos mantermos o tempo todo com uma alta vibração. Mas é uma questão de treino. Se escolhemos nos manter positivamente, nos foquemos em coisas boas, lembranças agradáveis e procuremos nutrir sentimentos bons e pensamentos que nos levem a bons sentimentos e sensações.

Ah, sim, as sensações… Elas são importantíssimas para detectarmos como estamos vibrando. Não as menosprezemos. Vamos perceber mais nossas sensações, elas ditam se estamos sintonizados com boas frequências.

Se você quiser conhecer mais a fundo os experimentos da mecânica quântica, e se aprofundar mais neste universo, indico o filme Quem Somos Nós (já citado por mim em alguns artigos) e os livros do físico Amit Goswami (O Universo Autoconsciente) e do professor Hélio Couto (Mentes In-formadas – Ondas de Informação).

Bom estudo!

Anna Leão (favor mencionar autoria e fonte ao reproduzir este artigo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »